Dica de casa: Passadeira a vapor para facilitar a vida

Antes que você, cara leitora, pense que isso aqui é um jabá, esqueça. A passadeira em questão foi comprada com meu cartãozinho da Cassol (pobrinha). Mas eu resolvi compartilhar a dica com todas vocês, porque estou encantada com esse negócio. Sério!

Eu já tinha visto este tipo de passadeira, só que bem maior, em hotéis. Elas passam toalhas e afins, na hora de entregar para hóspedes.Daí vi que também existiam versões menores, pra que a gente possa usar em casa. Essa que comprei é da marca Cadence. Não sei se tem no Brasil todo essa marca,mas aqui tem pra todo lado. E não deve ser ruim, porque eu tenho uma panificadora dessa marca a uns 3 anos e tá funcionando tri bem.

E como odeio andar com roupa amassada, resolvi comprar pra testar. Eu já tenho ferro convencional,mas para passar roupas de passeio e tal, acredito que não há melhor alternativa do que esta passadeira. Como o  vapor é bem quente, não há tecido que não desamasse. E dá pra usar em chifon, seda, linho, sem ter medo de queimar, porque não danifica os tecidos.

Um copinho de água com 200ml dá pra usar durante uns 15 minutos, depois tem que ir reabastecendo. Só tome cuidado pra não se queimar, coloque a roupa em um cabide ou sueprfície plana, porque o vapor é escaldante.

Custou R$ 89 e como eu disse , comprei na Cassol, mas sei que tem pra vender também na rede Zaffari Bourbon.

De vez em quando vou trazer dicas de casa pra vocês. Como não tenho diarista, eu mesmo me viro com as coisas aqui em casa.

Já usaram essa passadeira?

Beijo.

 

7 comentários Comentar via blog

Comentários via facebook

Comentários via blog

  1. Que excelente dica! Eu amo dicas para casas.. Também não tenho uma ajudante em casa, então dou meus pulos para conciliar a vida com o trabalho doméstico.

    Gostei demais 🙂

    Beijokas, Carla Mariano

    Responder
  2. Valéria Rocha

    Olá Pri, ainda ontem estava comentando com a minha mãe sobre essas passadeiras a vapor. Eu também não tenho ajudante, então tenho que dar o meu jeito. E como aqui no Rio está um calor escaldante, acredito que esse tipo de passadeira iria facilitar muito a minha vida. Aqui também tem essa marca.

    Bjsss

    Responder
  3. Lucia

    Que legal! Há um tempo tivemos uma passadeira da Singer, de prancha, tipo aquelas de lavanderias, só que em versão menorzinha, de mesa. Também era a vapor, era só esticar a roupa e prensá-la. Uma mão na roda, super prática e rápida, mas deu defeito e foi impossível consertá-la. E eu odeio ferro, não tem coisa mais chata que passar roupa. Vou procurar essa aí, parece ótima para agilizar aquele momento em que você pega uma saia na gaveta e ela tá igual a uma sanfona…

    Responder
  4. valeu pela dica, gostei muito

    Responder
  5. Oi Pri! Saudades menina!
    Voltei a blogar, estou seguido te lendo mas não tinha conseguido para para comentar ainda.
    Amei a dica da passadeira, o visual do blog, esses dias estava me lembrando do tempo que nos conhecemos e você ainda tinha o produtos cor de rosa . blogspot e eu te disse pra investir no domínio… muito tempo né? kkk Deixa pra lá pra não ficarmos calculando idades aqui.
    Desejo que continue tendo muito sucesso e que Deus continue te abençoeando muito!

    bjão 🙂

    Responder
  6. Marluce Martins

    Oi Pri, adorei a dica. Hoje mesmo estou cotando uma passadeira dessas, mas vi alguns comentários na net que ela vaza muito. É verdade, a sua vaza? Me conte por favor. Bjs

    Responder
    1. Oi, a minha não vaza:) Beijos

Deixe um comentário