Categoria: Maquiagem

Corretivos Ruby Rose: amarelo e salmão

Post por em Maquiagem

Uma coisa que sempre me incomodou muito foram as minhas olheiras. Por ter aquele afundamento na região (que com o preenchimento foi corrigido), as minhas olheiras pareciam ainda mais escuras. Por conta disso, as pessoas sempre perguntavam se eu estava com sono, se estava cansada, mas eram só as minhas olheiras que me deixavam sempre com cara de cansada e não tinha Dermablend e nem Dermacol que dessem jeito.

Minha irmã me sugeriu testar os corretivos da Ruby Rose, que apesar de baratos, são bem bons e práticos de usar, já que meus outros corretivos amarelos foram secando com o tempo e eu não tenho mais. Na dúvida, ela me trouxe um amarelo e um salmão, para ver qual ficaria melhor.

O amarelo serve para neutralizar olheiras azuladas e roxas, que é mais o meu caso. Deu um bom efeito, mas sozinho não fez milagre. Tive que passar corretivo do meu tom de pele para dar uma cobertura melhor.Ele é bom para espalhar com facilidade e o tom amarelo é bem vivo, conforme podem ver na foto.

Já o salmão, serve para corrigir as olheiras com fundo marrom, o que não é meu caso. Achei o tom meio clarinho e não fez diferença nas minhas olheiras e eu teria que testar em alguém com as olheiras de tom mais castanho. Alguma de vocês já usou esse?

O preço de cada um deles foi de R$ 15, enquanto eu pago R$ 12 pelos de tom de pele (com suas variações de cor). Acho o preço ótimo e a qualidade bem além do que se paga. Experimentar os corretivos da Ruby Rose fez com que eu quisesse conhecer outros produtos da marca, então, em breve tem resenha da base, pó e dos corretivos da linha regular.

Delineadores Maybelline (em caneta): Master Graphic e Master Precise

Post por em Beleza, Maquiagem

Delineadores muito pretos fazem sucesso, pois quanto mais forte é a cor, mais o delineado se destaca e o traço fica evidente. Temos vários no mercado, mas opções em conta, com essas qualidades acima são difíceis de encontrar. Ou eram. É por isso que faço esse post, pra mostrar essas duas preciosidades da Maybelline.

 

O Master Graphic:

Tem traço mais intenso, grosso e é pra quem quer linhas mais marcadas e delineados mais dramáticos. Tem a ponta chanfrada, que permite fazer um traço médio mas intenso ou uma linha bem mais grossa com a cor bem intensa. Ele fica bonito em olhos maiores, pois os meus são pequenos e a pálpebra gordinha, ele cobre tudo. Mas achei uma ótima alternativa pra ele: passo em toda a pálpebra e faço de sombra super preta. Fica ótimo e fixa super bem. Mas se você tem talento para fazer delineados intensos, é uma boa pedida.

Ele tem duração aproximada de 12 horas e é o primeiro delineador do mercado com este tipo de ponta, segundo a fabricante.

O Master Precise:

Esse tem a ponta super fina, mas a cor é muito intensa também. Seca rápido igual ao Master Graphic, mas tem a ponta muito mais fina (0,4mm) e ao mesmo tempo fácil de passar nos olhos, proporcionando um traço bem perfeito e homogêneo. Ainda tem o benefício de ser à prova d’água.

Os delineadores podem ser encontrados facilmente em lojas de cosméticos físicas, online e nos quiosques da marca, espalhados pelos shoppings. O preço médio varia de R$ 32 a R$ 37 dependendo do lugar. Um valor bem em conta para um produto de qualidade bem superior.

Esse é o traço dos dois no meu braço, feito só para mostrar o preto bem intenso e também a diferença entre um tipo de traço e outro. Apesar do Master Graphic não ser à prova d’água, ele resiste tão bem quanto o Master Precise quando exposto à água e sabonete. Testei lavando duas vezes e ele custou a sair totalmente, só com demaquilante. Dura horas a fio e não sai com qualquer coisa, então já deixe seu demaquilante e sua água micelar à mão.

Mas se você quer um delineador com cor intensa, duradoura e que não custe muito, eis uma boa opção. Agora é só escolher se você quer a ponta fina ou a mais grossa!

Lip Matte Latika nº 34

Post por em Beleza, Maquiagem

Eu adoro batons e tenho vários deles. Acho que dão personalidade e um colorido para os nosso dias. Não tenho uma marca predileta, tenho batons que custam R$ 5 e outros  de quase R$ 100. O que define se vou usar ou não é o fato de eu gostar da cor, achar que ela combina comigo. Daí vocês lembram daqueles dias das minhas férias, que esqueci toda a minha nécessaire de makes em casa e comprei umas coisas por lá e esse batom é um dos produtos.

Escolhi essa cor porque é um bege com fundo mais puxando pra um alaranjado, então, pra nude ele não serve. Acho que ele parece um pouco com a cor do meu Whirl da Mac, que por um longo período foi o batom  preferido da linda Kylie Jenner.

Ele espalha super fácil nos lábios, só tem uma textura mais grossinha, então tem que retirar bem o excesso do pincel pra aplicar com mais facilidade. Não borra e não escorre. Cobre super bem com apenas uma camada e o retoque  é preciso só depois de umas 4 horas, mais ou menos.

A embalagem é fofa, bem decoradinha e vem com o número do batom na frente, o que é bom pra gente escolher a cor fácil quando testa o mostruário. Testei 3 cores até decidir que era o 34 que eu queria.

Eu já conhecia os esmaltes da Latika e andava desatualizada, pois não sabia que a marca também tinha maquiagens e que elas tem um preço acessível pra caramba, tendo em vista a boa qualidade do batom.

Não rolou mostrar ele na boca porque estou com uma espinha perto dos lábios e não dá uma aparência muito bonita. Estou evitando até selfies essa semana. Hahaha! O batom tem valor bem em conta, custa R$ 19,90 no site da marca, mas eu paguei R$ 28,90 em um quiosque de make em Sombrio/SC. No dia que eu estava escolhendo, chamaram a minha atenção os vermelhos lindos que a marca tem e acho que vou investir em um para testar e resenhar aqui no blog!

Fica a dica de um batom duradouro nos lábios, com efeito matte e com muitas cores pra escolher. Além do preço super amigo!

 

Batons “diferentões” que eu amo

Post por em Maquiagem

Essa semana eu estou falando bastante de maquiagem, né? Talvez seja porque comecei a querer usar maquiagem novamente, depois de um tempo só usando em ocasiões especiais. Cansei de sair sem base, pó, nada. Apenas um filtro solar e era isso. A vida tem esses dias também. E tudo bem sair de cara lavada, afinal, temos esse direito.

Mas tenho uma paixão, que começou quando eu quis muito aquele batom pink famoso da Mac, o Candy Yum Yum. Um rosa pink power chamativo, com leve fundo azulado. Todo mundo tentou imitar, mas no fim só ele tinha aquela cor. Depois veio o Heroine e assim, fui gostando de batons diferentes.

Hoje vou falar desse lindo, o Dew, da Mac, que vi quando fui buscar um batom para presentear uma amiga e na hora, comprei um outro tom mais neutro pra ela e escolhi esse lilás com fundo azulado para trazer para casa. As pessoas estranham quando olham eu usando, porque é uma cor que chama atenção, mas eu não me importo. Eu realmente gosto dessas cores meio #crazy para batons.

Ele tem acabamento satin, que não é bem seco, o que deixa o batom super fácil de aplicar e ele desliza facilmente nos lábios. Adorei usar ele com olho com rímel bem preto, lápis preto e delineador, tudo power escuro. Dá um destaque só para o batom. Ele fica melhor quando usado com a pele feita, com base, essas coisas. Com a cara lavada e batom, me senti a “Caitlin Snow” transformada na Nevasca em The Flash (quem mais ama o seriado?).

Já esse é nacional, um amorzinho e combina super com o nosso inverno aqui no sul. Ele é um cinza, com acabamento matte (ou mais ou menos matte), fácil de aplicar. Custa menos de R$ 30  e é da coleção Tracta Blogs. É o batom da Bruna Tang 

Como ele é matte, mas tem um quê  de cremoso, é bem fácil de aplicar nos lábios, fica um acabamento bonito e bem fácil de usar. Esse até de cara limpa vai, mas eu curti usar em conjunto com um olho com bastante rímel e blush com tom vinho. Eu comprei ele pela internet, pelo site da Tracta. 

Eu tanto gosto dos batons diferentes, que minhas fotos das redes são usando o batom azul marinho metálico da Vult. Uso e adoro! Falando em cores diferentes, estou doida para testar o blush preto, já ouviram falar?