Tag: dicas

Feliz Cabelo Novo!

Todo mundo adora pensar em fazer “alguma coisa nova” nos cabelos. O problema é que essa “alguma coisa” precisa ter um nome, pra gente saber pelo menos o que pedir e o que esperar do resultado.

Aqui vai uma pequena seleção de “algumas coisas” bem atuais pra escolher na hora de pensar naquela mudança no visual:

Ombré Hair (ou ombré lights): a febre começou onde sempre começam as febres capilares, lá nos EUA. Raízes e comprimento em tons mais escuros, como castanho e chocolate, com luzes que ganham força na altura dos ombros e correm para as pontas. A diferença em relação às Californianas é que as Ombrés não chegam ao tom claríssimo, ficando apenas uns três tons abaixo da cor do comprimento dos fios. É um resultado super sofisticado, que tem conquistado as brasileiras que não se renderam ao loiro. O legal é que não tem necessidade de retoques por um bommmm tempo.

Mechas Esfumadas: também estão fazendo super sucesso pelo seu resultado elegante. As mechas são feitas à partir da raiz, mas depois de lavadas, o profissioal aplica um tonalizante que atenua a diferença entre a raiz e o comprimento, criando um degradê de transição na cor. O tonalizante de salão dura mais de um mês, é bem resistente às lavagens.

Mechas Invisilights: como o próprio nome já entrega, são mechas que não ficam evidentes e bem definidas. O resultado delas é que o cabelo ganha uma iluminada geral, em vários tons, de acordo com sua vontade. As mechas são puxadas da raíz às potas, no cabelo todo. Depois da descoloração o profissional pode aplcar um tonalizante, para realçar ainda mais a nova nuance.

Pra Mudar em Casa
Aposte nos tonalizantes! Como não têm amônia, os resultados não são definitivos e nem tão dramáticos, mas nem por isso de menor efeito visual.  As opções são bem amplas, tanto em marcas quanto em cores e escolhendo direitinho você pode fazer uma mudança e tanto, ganhando cor, brilho e hidratação, em casa mesmo.

Color Touch Wella; Richesse L’óreal; Jeans Color Alfa Parf; Shades EQ Redken; Igora Vibrance Schwarzkopf – são tonalizantes de uso profissional que você pode encontrar em grandes perfumarias. Não esqueça de se informar sobre as emulsões reveladoras, que são vendidas separadamente.

Casting L’óreal; Soft Color Wella; Keraton Kert – são alguns tonalizantes de uso doméstico, encontrados em super mercados e farmácias, além das perfumarias. Vem em kits prontos para uso.

*Vivi escreve semanalmente para o Shampoo de Laranja e  é editora do www.poptopic.com.br

Desconforto nos pés,nunca mais!

Oi gurias!

Não estou mais acostumada a andar com saltos e finos o dia inteiro, como fazia antes. Meu trabalho me permite o uso de roupas mais informais e eu alterno o uso de sapatos baixos, tênis, salto anabela e muito pouco salto altíssimo. Aliás, quase nada de saltão.

Só que daí, quando quero colocar um sapato mais alto,com saltos superiores aos 10 ou 12 cm, sinto meus pés ‘queimarem’, ficarem inchados e por que não contar a verdade: com bolhas e calos. Pra mim é uma verdadeira tortura.

Vendo eu me equilibrar com dificuldade por conta da dor, em cima de um sapato lindo, a Nah Moraes, do blog Belezocas me indicou o Gel para pernas e pés cansados da Granado. Ela disse que quando eu chegasse em casa com os pés doloridos e inchados, deveria tomar um banho e depois, colocar esse produto nos pés e se possível, colocar um ventilador na frente, para dar um efeito mais refrescante.

Gurias, preciso contar que é mesmo um milagre o tal gel. Ele deixa a pele bem macia e os pés parecem que são outros, a sensação de leveza e refrescância é tão grande, que não consigo nem explicar direito. Os pés ficam tão geladinhos, macios e descansados, em apenas 15 minutos. E não precisa retirar, você pode ficar com eles nos pés.

Com a sensação do ‘geladinho’, nem dá pra sentir qualquer  dor ou  desconforto nos pés. Eu amei mesmo e o produto tem preço bem acessível: paguei R$ 18 no Carrefour aqui em Porto Alegre. Agradeço a Nah pela dica e recomendo a todas, ainda mais para aqueles dias em que nossos pés merecem um carinho especial depois de andar pra cima e pra baixo.

Pé, Meu Querido Pé

Post por em Pele, Unhas

Pé sofre, né?

Pé de mulher, então, pffff, pobrezinhos… Vão da rasteirinha ao salto num piscar de olhos. E andam, como andam! Afinal de contas, bater pernas é um hábito que a gente conhece bem. E nossos pés conhecem melhor ainda.

Falando em pernas, já perceberam que estamos sempre super focadas nelas -humm, belas pernas!- e os pés ficam lá, em segundo plano, aguentando a boniteza toda, sem reclamar.

Bom, sem reclamar é modo de dizer, já que quando a situação fica crítica, eles sabem chamar nossa atenção. Com doorrrr! “Meus pés estão me matando” não é uma expressão que surgiu por acaso, pode crer.

Do que você precisa, pé, meu querido?
Primeiro a gente precisa admitir: pés saudáveis são a estrutura essencial para nosso equilíbrio e sustentação. Seja para correr uma maratona ou ir comprar pão, eles precisam suportar o peso do corpo. Multiplique isso por uma vida toda e você perceberá o quanto requisitamos dessas extremidades.

Pra manter as coisas em ordem, precisamos sempre dar uma olhada bem detalhada nos pezitos. Qualquer sinal de descamações estranhas, coceiras, bolhas sempre nos mesmos locais e, claro, inicio de deformação em qualquer parte, devem ser motivo pra consulta médica!

Adoooram culpar nossos queridos sapatos, lindos e mimosos, pelos males causados aos pés. Sinto informar, em grande parte das vezes, os críticos têm razão. Os sapatos não perdoam. Beleza mata, nesse caso.

Quando ortopedistas me dizem “é, o ideal seria você não usar saltos maiores que 3cm”, eu rio por dentro, só pra mim, por respeito ao médico. Sei que ele está certo, meu pé também sabe. Mas a vitrine grita meu nome e eu vivo assim, pelo menos 8 cm longe do chão. rsrsrs

Mimando
– coloque os pés para cima assim que tirar os sapatos e descanse por uns 10 minutos. Não precisa ser muito alto, duas almofadas são suficientes.

– alongue os pés, girando e puxando levemente os dedos para trás e empurrando-os para frente, sempre que tiver uns minutinhos durante o dia.

– caminhe usando tênis. Nada de sapatilha ou outros sapatos, por mais ‘molinhos’ que sejam. Caminhar faz bem para a circulação (e para o organismo como um todo), mas sempre use um tênis adequado.

– faça você mesma, à noite, uma massagem prolongada antes de dormir. É relaxante e você aproveita para hidratar a região. Quando for fazer pedicure no salão, se a profissional oferecer a massagem, aceite, boba!

– faça do escalda-pés (colocar os pés em água morna com óleos essenciais ou sais de banho) um ritual pelo menos nos finais de semana. Se quiser, coloque muitas bolinhas de gude no fundo da bacia e fique rolando as solas sobre elas. Delícia!

– evite sapatos apertados. Pés também engordam. Se esse foi o caso, você ganhou uns quilinhos e o sapato agora aperta, deixe-os de lado por um tempo.

– emagreceu e seus sapatos ficam escapando? Atualmente todas as lojas de sapatos vendem diversos tipos de palmilhas. Podem ocupar a sola toda ou apenas algumas regiões. Veja qual (ou quais) resolvem seus problemas e se adequam aos modelos fujões e ganhe conforto sem perder os sapatos.

– inchaço é um clássico feminino. Se você sempre sente os pés inchados no final do expediente, leve um par de sapatilhas confortáveis para usar já no retorno pra casa.

– calos e joanetes? Além de dar nomes para eles (nunca fez isso???) não faça nada mais a respeito em casa. Procure um profissional. Sai mais barato do que o estrago permanente que você pode causar com alicates e lixas. Acredite.

Mil produtinhos!

Anti transpirante para os pés Vichy
Creme hidratante para os pés Dote
Lipikar Podologics La Roche
Polpa hidratante Ekos Natura
Creme Pés Manteiga de Karité Loccitane
Hidratante para Pés Maturi
Hidratante para os Pés Norwegian Neutrogena
Tododia Todanoite Hidratante para os Pés Erva Cidreira Natura
Creme hidratante refrescante para pés e pernas Mohda
OX Pés – Creme Massagem para Pés e Pernas
Creme para os Pés Nexcare
Eucerin – Creme Pés 10% Ureia
Linha Foot Works Avon
Creme para pernas pés com óleo de orquídea Risqué
Gel para Pés e Pernas Cansadas Granado
Creme para Pernas e Pés Suavity
Alívio para os Pés Minancora
Emulsão Hidratante Pés Akakia
Conditioning Moisturizer for Feet Mavala
HomeoCreme Homeo Mag
Sachets escalda-pés Granado
SOS Pés Escalda-pés OX
Escalda-pés Dermopé

Vivi  é colunista do Shampoo e seu blog é o www.poptopic.com.br

Boca de Bonita

Post por em Pele

Nosso rosto é, definitivamente, nosso cartão de visitas. E, vamos combinar, não é nada fácil manter sempre saudável  essa fachada de boas vindas.

Acontece que nossa face é composta por muitos elementos; são vários detalhes que constroem essa aparência legal que queremos oferecer para o mundo e também pra nós mesmas. Aliás, primeiro para nós e depois pros outros, não é? Felicidade vem de dentro, o resto é verniz e sai com água…rs

Hoje vamos nos concentrar em um ponto que negligenciamos muitas vezes, dedicando mais batom do que cuidado: nossos lábios.

A pele dos nossos lábios é bem diferente de outras áreas do corpo. Isso acontece porque esse tecido não possui glândulas sebáceas, nem sudoríparas. Por isso ela precisa muito da nossa ajuda na proteção contra as agressões (frio, vento, sol), já que ali não existe a produção natural da mistura protetora do nosso corpo, formada basicamente por gordura e suor. O resultado da falta desse filme protetor natural a gente conhece muito bem, infelizmente: ressecamento e descamação.

Quando estamos doentes por algum motivo, nossa fisionomia sempre fica entristecida, não fica? Nossa pele perde o viço como um todo e, nos lábios, essa baixa fica bem evidente. Nossa boca fica mais murchinha e ressecada, coitada. Não é à toa que lábios hidratados e naturalmente rosadinhos sejam sinônimo de saúde!

Um bom produto para cuidar dos lábios precisa de elementos simples, mas de qualidade indispensável. Procure sempre por opções que contenham ativos vegetais, como manteigas e óleos naturais. Eles hidratam e lubrificam a superfície dos lábios, mantendo a maciez e elasticidade. Procure também por fórmulas com vitaminas, elas evitam a formação de radicais livres.

O tratamento, o cuidado, é diferente do embelezamento em si. A gente trata antes, para ficar bonita depois. Digo isso porque nem sempre os produtos para a proteção dos lábios têm sabor e odor agradável. Com componentes vegetais em sua maioria e caráter terapêutico, grande parte das fórmulas dispensam essências e corantes artificiais. Isso faz com que o odor e sabor predominantes seja mesmo o das matérias primas, nem sempre agradáveis.

Mas não deixe que isso atrapalhe sua meta de ter e manter lábios bonitos! Utilize os produtos conforme o fabricante indica (alguns à noite, outros antes da maquiagem) e o resultado final será tão satisfatório que você nem vai lembrar que o aroma do protetor não é lá essas coisas…

Pra finalizar, não se esqueçam: evitem o hábito de umedecer os lábios com a língua. A saliva é ácida e piora o ressecamento, aumentando as rachaduras. Mantenha um lip balm sempre à mão.

Se seus lábios já estiverem rachados, evite batons cremosos e de cores intensas. Eles acumularão nas fendas e o efeito não será bonito nem saudável. Os pigmentos coloridos podem aderir às pelinhas que estão soltando e piorar o quadro de desidratação.

Falando em pelinhas, NUNCA arranque-as! Capriche no hidratante e esfolie delicadamente com uma escova de dentes infantil, bem macia, antes de aplicar seu batom ou antes de dormir. Nesse caso, você pode esfoliar e em seguida aplicar um lip balm desses bem melecados, pra potencializar a hidratação e regeneração do tecido.

No dia a dia a preferência é batons e glosses com proteção solar.

Pronto, agora é só beijar moooito!

Já usei e recomendo:

– Epidrat Lábios FPS 30 Mantecorp
– Ceralip La Roche-Posay
– Lip Balm #1 Kiehl’s
– Linha Lip Care Nivea
– ChapStick®
– Carmex®
– EOS Lip Balm Smooth Spheres

Os mais citados na blogosfera:

Manteiga de Cacau em Bastão, várias marcas – É um ótimo protetor pra usar a todo momento. Só fica devendo para os demais produtos por não tratar danos já existentes. É melhor usá-lo para prevenir o ressecamento.

Bepantol, Bayer – Desenvolvido para tratar assaduras e rachaduras na pele de crianças e adultos, o Bepantol é uma espécie de “unanimidade” em matéria de queridice entre as brasileiras. É usado na forma de pomada para tratar lábios, cotovelos, pés, cutículas, olheiras e absolutamente tudo que necessite de hidratação. Têm ação regenerativa.

Eu, particularmente, prefiro usar a versão líquida nos lábios, porque a pomada tem odor e sabor acentuados e, de qualquer forma, não deve ser ingerida. Aplico o líquido sempre com um cotonete, por ser descartável e eliminar o risco de contaminação do produto. Essa versão também é ótima para usar em hidratações caseiras dos cabelos. Basta misturar um pouco (2ml, medidos com seringa) à uma máscara capilar.

Blog da Vivi: www.poptopic.com.br