Testei: Coloração Olia da Garnier

Eu pintei o cabelo de preto faz um tempo. Tudo para meu projeto de  ter um cabelo igual ao da Jana Sabrina dar certo. Um dia chego lá! Mas, tenho que retocar as raízes porque grande parte do meu cabelo nasce branco e a minha cor natural é castanho claro.

Pois bem,minha curiosidade cosmética, me levou a testar a nova coloração Olia, da marca Garnier. Paguei R$ 18 na promoção da Panvel.

E quando apliquei no cabelo, vi que era um creme bem consistente, a aplicação feita com a bisnaga que vem junto facilita bastante e evita contato direto com o produto. Tudo bem legal até eu ver que aquele produto estava deixando meu cabelo endurecido.

Depois da pausa, lavei, achando que aquele efeito de cabelo iria passar, mas que nada! O cabelo seguiu duro, seco e todo arrepiado. Tive que fazer uma hidratação das boas pra manter um pouco de dignidade. O cabelo até ficou brilhoso,mas ressecado e cheio de frizz.

Produto reprovado.

Não bastasse isso, a cor não pegou na raiz e eu permaneci com a raiz mais clara que o restante dos fios e na extensão dos cabelos, onde estava avermelhado, continuou. Ou seja, a tintura não funcionou comigo.E eu dei uma pausa maior do que o recomendado. Ficou em pausa por 50 minutos.

A marca faz produtos bons, pena que desse eu não gostei. Mas acontece!

Alguma de vocês já usou essa coloração?